Guinness declara mineira de 114 anos pessoa mais velha do mundo

quarta-feira, 18 de maio de 2011 17:49 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Maria Gomes Valentim, mineira de Carangola, com 114 anos e 313 dias, é a pessoa mais velha do mundo, anunciou o Guinnes World Records nesta quarta-feira.

A brasileira recebeu o título depois que seus documentos foram confirmados pelo Guinness. De acordo com a instituição, a pessoa precisa ter uma certidão de nascimento original emitida até 20 anos após a data de nascimento e provas de que continua viva.

Maria Gomes Valentim nasceu em 9 de julho de 1896 em Carangola, onde vive até hoje. Casou-se com João Valentim em 1913 e ficou viúva em 1946. Tiveram um filho, quatro netos, sete bisnetos e cinco trinetos, de acordo com nota no site do Guinness.

Ela atribui sua longevidade a uma alimentação saudável, que inclui pão, café e frutas pela manhã e às vezes leite com linhaça. Com bastante força nas suas mãos, ela ainda consegue comer sozinha e de vez em quando gosta de tomar vinho, acrescentou o Guinness.

"Receber um pedido de uma senhora que nasceu no reinado da Rainha Victoria... já é extraordinário, mas essa senhora ser brasileira é ainda mais especial. Nunca tivemos um pedido de longevidade aceito do Brasil -- até hoje", disse o redator-chefe do Guinness World Records, Craig Glenday, em nota.

A brasileira é 48 dias mais velha que a antiga dona da marca de pessoa mais velha do mundo, a norte-americana Besse Cooper, de Monroe, Georgia, que agora é considerada a pessoa mais velha dos Estados Unidos.

(Por Pedro Fonseca)