Críticos rejeitam nova estátua do papa João Paulo 2o em Roma

sexta-feira, 20 de maio de 2011 16:10 BRT
 

ROMA (Reuters Life!) - Uma estátua nova e não convencional do falecido papa João Paulo 2o, mostrando uma figura gigante e oca, atraiu críticas negativas de especialistas e do jornal do Vaticano.

A intenção era que a inauguração da imponente escultura de bronze de Oliviero Rainaldi diante da estação ferroviária central de Roma completasse as comemorações da beatificação de João Paulo, que o deixou mais perto de ser canonizado.

A estátua é uma representação do papa abrindo seu manto com braços abertos, em gesto de boas-vindas.

Mas a figura de quatro metros de altura provocou reações de consternação e rejeição por parte de jornais e críticos de arte, para os quais a obra não capta a essência do pontífice.

"O rosto guarda semelhança apenas muito pequena com o papa. De modo geral, o resultado parece insatisfatório", disse o Osservatore Romano, o jornal oficial do Vaticano, comparando a estátua a uma barraca ou a uma cabine de sentinela militar.

O crítico de arte Achille Bonito Oliva disse ao jornal La Repubblica que as extremidades ásperas da escultura o deixaram perplexo e não refletem a personalidade gentil e bondosa de João Paulo.

Mas "a gente se acostumará com ela com o tempo", disse o crítico.

Rainaldi disse que não era sua intenção que a escultura se parecesse exatamente com João Paulo, mas que ele quis captar a personalidade receptiva do pontífice polonês.

O escultor disse ao jornal Il Messagero que retratou o papa da maneira como se recordava dele.

João Paulo morreu em 2005, e seu sucessor, o papa Bento, acelerou o processo que o levará a ser canonizado (declarado santo). A cerimônia de beatificação de João Paulo, no início deste mês, atraiu para Roma a maior multidão desde a que foi vista no funeral dele, seis anos atrás.

(Reportagem de Catherine Hornby)

 
Estátua representando o papa João Paulo 2o é vista em Roma, em 18 de maio de 2011. A obra atraiu críticas negativas de especialistas e do jornal do Vaticano. 18/05/2011 REUTERS/Tony Gentile (ITALY - Tags: RELIGION)