Lady Gaga finalmente dá à luz "Born This Way"

sexta-feira, 20 de maio de 2011 18:59 BRT
 

Por Christine Kearney

NOVA YORK (Reuters) - No passado ela se apresentou em barzinhos de Nova York em busca de alguns seguidores, mas agora a rainha do pop Lady Gaga deve atrair uma audiência enorme com o lançamento oficial de seu segundo álbum de estúdio, na próxima semana.

As primeiras resenhas de "Born This Way", que já vazou na Internet antes de seu lançamento oficial, em 23 de maio, têm sido modestas. Mas uma blitz publicitária e o poder de Lady Gaga nas mídias sociais devem gerar vendas fortes, dizem especialistas musicais, independentemente de o novo álbum ser ou não melhor que "Tha Fame", o primeiro álbum da artista gravado em estúdio.

"As vendas na primeira semana serão enormes. Depois disso, caberá ao público decidir se o álbum realmente se sustenta", disse à Reuters Leah Greenblatt, crítica de música do Entertainment Weekly. "Mas ela sairá ganhando de qualquer maneira, certo? Está claro que não conseguimos parar de falar nela, e não vamos parar no futuro próximo."

Greenblatt observou que a gravadora Interscope Records, do Universal Music Group, vai encher todos os pontos de venda no varejo com o álbum, assegurando as chances de sucesso da cantora nova-iorquina de 25 anos.

A Billboard previu que Lady Gaga provavelmente vai superar "21", da cantora britânica Adele -- o álbum mais vendido do ano, com 1,7 milhão de cópias arrematadas até agora.

Para a Billboard, "Born This Way" pode vender entre 450 mil e 750 mil cópias em sua primeira semana de vendas nos EUA. Um site de fãs de Lady Gaga se dedica a tentar fazer com que o álbum venda 1 milhão de cópias em sua primeira semana.

Em novembro passado a cantora country Taylor Swift vendeu 1,047 milhão de cópias de "Speak Now" nos Estados Unidos na primeira semana. Foi o álbum novo de vendas mais rápidas em cinco anos.

Embora os primeiros quatro singles de "Born This Way" já tivessem sido lançados, todas as 14 faixas do álbum saíram em "streaming" na Europa esta semana.   Continuação...