Carla Bruni exibe barriga de grávida na cúpula do G8

sexta-feira, 27 de maio de 2011 11:50 BRT
 

DEAUVILLE, França (Reuters) - A primeira-dama francesa, Carla Bruni, exibiu nesta quinta-feira uma barriga saliente que deixou pouca margem a dúvidas quanto à veracidade dos relatos segundo os quais ela estaria grávida.

Posando para fotógrafos com as esposas de outros líderes nos bastidores de uma cúpula do G8 na cidade litorânea francesa de Deauville, a ex-modelo trajou uma bata branca solta que em alguns momentos deixou transparecer uma barriga de grávida evidente.

Carla Bruni não confirmou os rumores sobre sua gravidez, mas tampouco tem se esforçado para desmenti-los: ela vem evitando responder diretamente a perguntas sobre o assunto, dando risadinhas, e começou a esconder sua barriga com roupas folgadas.

Na quarta-feira, membros de uma organização de caridade britânica entregaram a Bruni, de 43 anos, uma cesta de maternidade contendo um kit de parto e artigos de higiene, com o objetivo de divulgar o problema da mortalidade infantil no mundo em desenvolvimento.

O marido de Carla Bruni, Nicolas Sarkozy, vem se recusando a comentar os relatos de que ele e Bruni estariam esperando seu primeiro filho juntos, mas na semana passada um jornal alemão citou o pai do presidente como tendo confirmado a notícia.

Um bebê presidencial poderia representar uma dádiva em termos de relações públicas para Sarkozy, que enfrenta os índices de popularidade mais baixos de qualquer líder francês em décadas e terá que encarar uma batalha difícil para tentar se reeleger em abril próximo.

Nascida na Itália, Carla Bruni, que tem uma carreira como cantora pop, tem um filho de um relacionamento anterior e já declarou várias vezes que gostaria de ter um filho com Sarkozy. Seria o quarto filho de Sarkozy, que já tem três filhos de dois casamentos anteriores.

 
A primeira-dama francesa Carla Bruni-Sarkozy chega para a cúpula do G8 em Deauville, norte da França. 26/05/2011 REUTERS/Andrew Winning