Venezuela relata seu sistema musical através do filme "Dudamel"

quarta-feira, 8 de junho de 2011 18:08 BRT
 

Por Mario Naranjo

CARACAS (Reuters) - Felicidade e esperança são os fios condutores do filme "Dudamel: el sonido de los niños", (Dudamel: o som das crianças), que relata a vida do regente de orquestra venezuelano Gustavo Dudamel e explica "O Sistema", um método para iniciar crianças e jovens na música que surgiu no país petrolífero.

O cineasta Alberto Arvelo aceitou o desafio de contar parte da vida de Gustavo Dudamel em um filme que mostra o alcance do chamado "Sistema de Orquestras e Corais Juvenis e Infantis da Venezuela", que vem levando a música a milhares de crianças e jovens pelo mundo afora.

"O Sistema" foi fundado em 1975 pelo músico venezuelano José Antonio Abreu para incentivar crianças a tocar em orquestras desde uma idade tenra, com o objetivo de afastá-las do crime e das drogas em um país com altos índices de insegurança.

O maior expoente da iniciativa é Gustavo Dudamel, que chegou ao programa quando era adolescente.

O Sistema "faz com que a Venezuela seja referência de cultura no mundo", comentou o regente quando foi apresentado o filme, que será exibido na Venezuela a partir de 10 de junho.

"'O Sistema' não sou eu, são os milhares de crianças, os diretores. Dudamel não é Dudamel, é uma pessoa que representa milhares de crianças", explicou o venezuelano de 30 anos que dirige a famosa Filarmônica de Los Angeles.

No entanto, ele disse que, se é tomado como exemplo para que as crianças saibam que os sonhos podem se realizar, "estou aqui. Isso é possível, sim."

Cerca de 350 mil crianças e jovens frequentam diariamente os centros de ensaios do "Sistema" na Venezuela, inspirados no sucesso de Dudamel, que também é símbolo de algumas políticas culturais e educativas do presidente Hugo Chávez, que procura conduzir o país pelo caminho do socialismo.

"Não há nada como ter um povo com cultura (...) Precisamos deixar de pensar que somos um povo terceiro-mundista", comentou o regente, para quem a música é um direito humano.