26 de Junho de 2011 / às 18:15 / 6 anos atrás

Beyoncé é destaque no encerramento de Glastonbury

Por Mike Collett-White

Beyoncé se apresenta durante gravação do programa "Oprah's Surprise Spectacular", em Chicago, em maio. Beyoncé subirá ao palco em Glastonbury neste domingo para fechar o festival de música, esperando repetir o sucesso de seu marido Jay-Z em 2008 e ajudar a gigantesca multidão a afastar os pensamentos de lama e uma longa viagem de volta para casa. 17/05/2011 REUTERS/John Gress

PILTON, Inglaterra (Reuters) - A estrela do pop norte-americana Beyoncé subirá ao palco em Glastonbury neste domingo para fechar o festival de música, esperando repetir o sucesso de seu marido Jay-Z em 2008 e ajudar a gigantesca multidão a afastar os pensamentos de lama e uma longa viagem de volta para casa.

Cerca de 180 mil pessoas estavam amontoadas na fazenda Worthy, no pitoresco sudoeste da Inglaterra, durante três dias de música e diversão em um dos maiores festivais de música do mundo. Mas a memória que ficará para muitos neste ano será a lama.

Fortes chuvas na sexta-feira e nos dias anteriores transformaram os 900 acres de terreno em um lamaçal gigante, mas não conseguiram desanimar os amantes da música, que foram assistir a uma impressionante seleção de milhares de apresentações realizadas em dezenas de palcos.

“Conseguimos sobreviver nas condições mais adversas,” disse o fundador do festival, Michael Eavis, a jornalistas. “Somos sobreviventes, após 41 anos”.

O sol saiu no domingo e os biquinis substituíram as capas de chuva, enquanto o festival se preparava para o clímax na noite de domingo.

Jay-Z foi o destaque de 2008, gerando controvérsia entre alguns dos grandes nomes do rock britânico, que disseram que o hip-hop não tinha espaço no prestigiado evento. Mas o astro silenciou os críticos e agora o rap é parte importante da programação de Glastonbury.

Os fãs especularam que Jay-Z poderia se unir a Beyoncé no palco, e que ela também poderia se juntar às ex-integrantes de seu grupo Destiny’s Child.

Eavis foi distraído brevemente com perguntas sobre a morte de um membro do governista Partido Conservador britânico, que foi encontrado em um alojamento de luxo na manhã de domingo.

Ele não revelou o nome, mas a mídia britânica afirmou que teria sido Christopher Shale, presidente da Associação Conservadora de West Oxfordshire. Segundo informações iniciais, a causa da morte teria sido um ataque cardíaco, mas Eavis disse acreditar ter sido suicídio.

O festival de Glastonbury tem crescido, de um pequeno evento de 1.500 pessoas na fazenda leiteira em 1970, com cada pessoa pagando uma libra (1,60 dólares) e recebendo leite, para uma comemoração gigantesca de música custando 195 libras por um ingresso básico.

O festival não será realizado em 2012, mas Eavis disse que já existem três grandes shows programados para 2013.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below