July 5, 2011 / 3:21 PM / 6 years ago

"Relíquias da Morte" não é o fim para fãs leais de Harry Potter

4 Min, DE LEITURA

Fãs começam fila para estreia mundial do filme "Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2", em Londres. O filme estreia dia 7 de julho. 05/07/2011Luke MacGregor

Por Alysha Love

BRUXELAS (Reuters) - Desde a metrópole indiana de Mumbai até as planícies empoeiradas do Texas, fãs frenéticos em todo o planeta só terão que aguardar uma semana para o lançamento do oitavo e último filme da série "Harry Potter".

Para as pessoas que passaram quase 15 anos de suas vidas envolvidas com os livros e os filmes, "Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2", que estreia em Londres em 7 de julho e em todo o mundo em 13 de julho, é o fim, assinalando que a cortina se fechará sobre a narrativa que as fascinou durante parte importante de suas vidas.

Desde 1997 o menino mago fictício reuniu uma base astronômica de seguidores em todo o mundo -- há 28 milhões de seguidores dos filmes apenas no Facebook --, frequentemente descrita como a "geração Harry Potter".

"Alguns dos fãs mais ardorosos sentem que cresceram e amadureceram juntamente com Harry", disse Edmund Kern, professor de um curso sobre Potter na Universidade Lawrence, no Wisconsin, e autor de "The Wisdom of Harry Potter" (A Sabedoria de Harry Potter).

Os sete livros da série Potter já venderam quase meio bilhão de cópias em todo o mundo, e os primeiros sete filmes renderam para a Warner Bros. 6,4 bilhões de dólares. O primeiro, "Harry Potter e a Pedra Filosofal", foi lançado em 2001.

J.K. Rowling, a autora dos livros, ganhou mais dinheiro que a rainha da Inglaterra e é vista como visionária por ter criado um mundo alternativo que rivaliza com outras grandes obras de ficção, como "O Senhor dos Anéis", de J.R.R. Tolkien.

Para muitos fãs, o lançamento do livro final, em 2007, foi o fim de Harry Potter, mas outros fãs se apegaram aos filmes para manter a "Pottermania" viva, e a première do último filme nesta quinta-feira lhes proporcionará uma segunda chance de dar adeus a Harry.

Web E enciclopédia

Martin Richardson, professor da Universidade Durham e um dos primeiros acadêmicos na Grã-Bretanha a dar um curso universitário sobre Harry Potter, disse que é pouco provável que a popularidade sensacional da série diminua imediatamente após o filme final.

As promessas de uma enciclopédia Harry Potter e um site interativo na Internet, sem falar em eventos sobre Potter e de um parque temático na Flórida, vão continuar a motivar fãs imersos no mundo do mago.

"A 'Pottermania' não vai acabar no futuro previsível. Ela está demasiado entranhada na psique coletiva da chamada 'geração Harry Potter", disse Richardson.

Como exemplo da influência do livro, ele observou que cerca de um quarto dos alunos de seu curso admitiram que ficaram desapontados quando completaram 11 anos e não receberam cartas de admissão de Hogwarts, a escola mágica de feitiçaria, como acontece aos personagens dos livros.

"O que muitos adultos deixam de entender, compreensivelmente, aliás, é o conceito mais gloriosamente subversivo que está ao cerne da série Harry Potter: de que pode existir aí fora um mundo mágico que nós, Trouxas, não conseguimos enxergar", disse ele.

Para acadêmicos, a popularidade mundial da história -- os livros já foram traduzidos para mais de 60 línguas, desde o tibetano até o khmer -- se deve aos temas universais presentes na trama.

"Quando lemos ou assistimos aos personagens no 'Potterverso', também estamos lendo sobre nós mesmos ou assistindo a nós mesmos -- em especial, lemos coisas sobre nossos relacionamentos, nosso senso de dever e nossa identidade", disse Richardson.

"Esses temas atemporais encontram eco em todas as culturas e nações."

Reportagem de Mike Collett-White

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below