Organizadores do Oscar não confirmam Oprah como apresentadora

sexta-feira, 8 de julho de 2011 18:52 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - Oscar, Oprah; Oprah, Oscar. Quase se consegue ouvir David Letterman fazendo a apresentação.

O Chicago Sun-Times divulgou na sexta-feira que a rainha dos talk shows e dona de uma rede de TV a cabo, Oprah Winfrey, emergiu como a candidata mais cotada para apresentar a entrega dos prêmios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas em fevereiro de 2012, mas os organizadores do evento rapidamente acabaram com a especulação.

Citando fontes não identificadas da academia, o jornal disse que os organizadores do evento acham que a presença de Oprah poderia ampliar o público da cerimônia e que, em vista do fato de o talk show de Oprah ter se encerrado há pouco tempo, os organizadores acreditam que ela poderia atrair suas multidões de fãs para a 84a cerimônia de entrega dos Oscar, em fevereiro.

Mas oficialmente, a Academia, que entrega os prêmios mais importantes do cinema, não confirma.

"Todos os anos há sempre grande interesse e entusiasmo sobre quem irá apresentar o Oscar", disse a Academia em comunicado. "(Essa especulação) trata-se de um exemplo maravilhoso disso e, neste momento, não há nada para comentar a respeito de quem está ou não na lista de eventuais apresentadores do Oscar."

Se Oprah apresentar a entrega dos Oscar, será apenas a terceira mulher a fazê-lo sozinha, depois de Whoopi Goldberg - que o fez quatro vezes - e Ellen DeGeneres.

Neste ano, a atriz Anne Hathaway apresentou a cerimônia junto com James Franco, numa tentativa de atrair espectadores mais jovens.

Mas apenas 37,6 milhões de norte-americanos assistiram à cerimônia, fazendo da transmissão uma das festas da Academia de menor audiência dos últimos dez anos. A audiência foi quase 10 por cento inferior ao público de 41,7 milhões de telespectadores que acompanhou o evento no ano passado, quando os apresentadores foram Steve Martin e Alec Baldwin.

O humorista Letterman apresentou o evento em 1995 e foi alvo da crítica por sua performance, a começar com um trecho cômico mal recebido no qual ele apresentou Oprah Winfrey à atriz Uma Thurman, dizendo "Oprah, Uma; Uma, Oprah", porque ambas têm primeiros nomes incomuns.

(Reportagem de Zorianna Kit)

 
Oprah Winfrey, uma das principais opções para apresentar o Oscar, fala com jornalistas durante conferência em Sun Valley, Idaho. 7/7/2011. REUTERS/Anthony Bolante