Halle Berry obtém ordem judicial de afastamento contra invasor

quarta-feira, 13 de julho de 2011 10:58 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - Uma juíza concedeu à atriz Halle Berry uma ordem de afastamento contra um homem que teria invadido sua propriedade em Los Angeles três vezes nos últimos dias, até de ser preso pela polícia.

A juíza Carol Boas Goodson, do Superior Tribunal de Los Angeles, emitiu uma ordem judicial temporária determinando que Richard A. Franco, de 27 anos, deve se manter a 100 jardas (cerca de 90 metros) de distância de Berry e de sua filha.

Franco, que tem um histórico de violência, roubo e crimes relacionados ao uso de drogas, foi encontrado com um livro com "divagações sem sentido" e o nome de Berry escritos a mão, disse a atriz, segundo documentos jurídicos publicados no site TMZ.com.

Franco se aproximou da residência de Berry pela primeira vez no sábado, quando ela estava conversando com seu agente e viu através da porta de vidro que Franco -- que ela não conhecia -- estava dentro no seu quintal, segundo os documentos. O agente de Berry gritou para Franco e ele foi embora, afirmou a atriz.

Berry disse também que no domingo ela percebeu que Franco estava do outro lado da porta de vidro, a menos de 30 centímetros de distância, quando ela foi até a cozinha pegar um refrigerante.

"Em pânico e temendo por minha vida, eu virei meu corpo e rapidamente fechei a trava da porta de vidro", relatou Berry.

Ela então subiu correndo para o andar de cima e ligou para a polícia. Naquela noite, providências foram tomadas para que autoridades de segurança armadas mantivessem guarda na residência de Berry, e Franco foi preso na segunda-feira ao retornar ao local.

"Essa pessoa invadiu e destruiu a sensação de segurança mais fundamental que eu tinha e eu tenho muito medo dele e do que ele poderia fazer comigo ou com as pessoas que eu amo", afirmou a atriz.

Franco foi acusado por suspeita de perseguição, disse o Departamento de Polícia de Los Angeles.   Continuação...