ENTREVISTA-Yates, diretor de "Harry Potter", mira filme "enxuto"

quarta-feira, 13 de julho de 2011 15:00 BRT
 

Por Paula Rogo

NOVA YORK (Reuters Life!) - O diretor britânico David Yates passou os últimos seis anos e meio de sua vida levando às telonas o mundo mágico de Harry Potter.

Yates, 47 anos, fez os últimos quatro filmes dos oito baseados nos livros best-sellers da autora J.K. Rowling.

Esta semana, enquanto a franquia chega ao fim com o lançamento de "Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 2", Yates conversou com a Reuters sobre o ponto final na experiência épica e quais seus planos para o futuro.

P: Por que você aceitou fazer estes filmes?

R: Foi uma oportunidade boa demais para ser recusada. Eu não tinha lido os livros quando me convidaram. Eu falei "meu Deus, preciso ler um dos livros". Foi tão engraçado e encantador, então eu rapidamente li o segundo. Era difícil abandonar aquele mundo, e, depois que comecei, todo o mundo foi ótimo. Me convidaram a continuar dirigindo, e eu disse 'sim'. Me convidaram para continuar novamente, aceitei mais uma vez, e depois disso eu não quis ser o sujeito que fez os dois filmes do meio.

P: Como o filho do meio?

R: Exatamente. Quando você é o filho do meio, ninguém o leva a sério. Então continuei.

P: Foi uma decisão consciente manter o ambiente desse último filme bastante maduro?   Continuação...

 
Diretor David Yates chega à estreia do filme "Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 2", em Nova York..
11/07/2011  REUTERS/Lucas Jackson