ESTREIA-"Loup-Amizade para Sempre" aborda relação homem-natureza

quinta-feira, 14 de julho de 2011 11:06 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Diretor e documentarista, o francês Nicolas Vanier estreia na ficção com "Loup - Uma Amizade para Sempre", uma espécie de "Dança com Lobos" nas neves da Sibéria. No centro do filme está o jovem Sergei (o estreante Nicolas Brioudes), que aos 16 anos é escolhido guardião da grande manada do clã nômade conhecido como Évène.

O pai do rapaz é o líder do clã, que conta com quatro famílias e mais de três mil renas, que são as condutoras do grupo em busca de pastos em montanhas da região. Nesse ambiente, o lobo é visto como uma constante ameaça e, por isso, desde pequeno Sergeï aprendeu a caçá-los e matá-los.

O ponto de mudança na vida do protagonista acontece quando ele encontra uma loba e quatro filhotes pequenos. Mais tarde, também entra em cena o lobo-macho dessa família. Sergei apega-se aos animais, de quem se torna protetor, chegando até a dar-lhes nomes. Quando uma rena é devorada por um lobo, os Èvenes resolvem vingar-se, e Sergei enfrentará o maior dilema de sua vida.

Além de documentarista e diretor de ficções, Vanier também é escritor. Tudo isso o influenciou quando começou a planejar "Loup - Uma Amizade para Sempre". Autores de livros de aventuras, como o norte americano Fenimore Cooper ("O Último dos Moicanos") e Jack London ("Caninos Brancos"), serviram de inspiração para este roteiro.

Em "Loup - Uma Amizade para Sempre", o que guia a narrativa são as dinâmicas entre o homem e a natureza, que ora se aproximam e se relacionam pacificamente, ora tornam-se inimigos disputando os mesmos objetivos .

A paisagem distante e o isolamento dos personagens que vivem em grupos remetem ao premiado filme cazaque "Tulpan", de Sergey Dvortsevoy. Mas em "Loup - Uma Amizade para Sempre", o registro aproxima-se mais de uma aventura do que do tom documental do outro filme, que foi premiado no Festival de Cannes em 2008.

(Por Alysson Oliveira, do Cineweb)

* As opiniões expressas são responsabilidade do Cineweb