Murdoch e filho vão comparecer diante do Parlamento britânico

quinta-feira, 14 de julho de 2011 15:43 BRT
 

Por Kate Holton e Keith Weir

LONDRES (Reuters) - Rupert e James Murdoch vão comparecer ao Parlamento britânico na próxima terça-feira para responder a perguntas sobre supostos crimes cometidos por um dos jornais da família, após terem inicialmente recusado o convite dos parlamentares, informou nesta quinta-feira a News Corp.

A companhia anunciou que pai e filho vão comparecer ao Parlamento depois que o primeiro-ministro britânico, David Cameron, criticou a decisão inicial dos Murdoch de não atender ao pedido.

Rebekah Brooks, chefe-executiva da News International e que era a editora do tablóide News of the World quando teria acontecido o escândalo de grampos telefônicos que está no centro da polômica envolvendo a News Corp, também vai comparecer.

Depois que a polícia britânica prendeu um nono suspeito de envolvimento nos grampos telefônicos, identificado pela mídia como ex-editor sênior do jornal News of the World, ganhou força o chamado feito pelo governo para que o organismo regulador da mídia decida se a empresa de Murdoch tem condições de administrar estações de televisão britânicas.

Murdoch, de 80 anos, já foi forçado a fechar o News of the World e recuar em seu maior plano de aquisição até agora -- a compra da operadora britânica de TV paga BSkyB -- devido ao ultraje provocado por acusações de que repórteres teriam acessado mensagens telefônicas particulares.

Até agora, Murdoch e seu filho James, o herdeiro de seu império, têm defendido a executiva Rebekah Brooks, que comanda o braço dos jornais britânicos da empresa e era amiga do primeiro-ministro David Cameron, até que este reiterou chamados para que ela seja demitida.

Brooks concordou na quinta-feira em comparecer diante do comitê na próxima semana, mas disse que o inquérito policial pode limitar o que ela poderá dizer.

Murdoch, que é cidadão norte-americano, disse que só vai depor no inquérito público anunciado por Cameron depois de serem levantadas perguntas sobre o papel exercido por alguns policiais no escândalo e sobre as relações entre políticos britânicos e proprietários de mídia.   Continuação...

 
Presidente-executivo da News Corp, Rupert Murdoch, deixa seu escritório em Londres. Rupert e James Murdoch vão comparecer ao Parlamento britânico na próxima terça-feira para responder a perguntas sobre supostos crimes cometidos por um dos jornais da família, após terem inicialmente recusado o convite dos parlamentares, informou nesta quinta-feira a News Corp.
13/07/2011 REUTERS/Luke MacGregor