Festival de Veneza terá filmes de Madonna e Polanski

quinta-feira, 28 de julho de 2011 16:34 BRT
 

ROMA (Reuters) - O filme de Madonna sobre a relação do rei Eduardo 8o com uma divorciada norte-americana e "Carnage", de Roman Polanski, devem ser os destaques do festival de cinema de Veneza em 2011.

Vinte e um filmes disputarão o principal Leão de Ouro na 68a edição do mais antigo festival de cinema do mundo, que ocorrerá entre 31 de agosto e 10 de setembro neste ano no Lido.

Estreia de Madonna na direção de um longa, "W.E" é um drama que compara um relacionamento dos dias atuais com o polêmico amor entre o rei e a norte-americana divorciada Wallis Simpson, que será exibido fora da competição.

O rei abdicou do trono em 1936 para se casar com Simpson.

O último filme do diretor franco-polonês Roman Polanski é uma adaptação da peça de Yasmina Reza "God of Carnage" e tem Kate Winslet e Jodie Foster no elenco.

Outros destaques incluem a adaptação de Tomas Alfredson para o thriller da Guerra Fria de John Le Carré "Tinker, Tailor, Soldier, Spy" e o aguardado drama de David Cronenberg "A Dangerous Method", com Keira Knightley e Viggo Mortensen.

O remake do diretor britânico Andrea Arnold para o "Wuthering Heights", de Emily Bronte, e "Texas Killing Fields", de Ami Canaan Mann, com Sam Worthington, também estão presentes no festival, que com frequência serve de lançamento para filmes que serão premiados pelo Oscar.

Os organizadores mais cedo haviam anunciado que "The Ides of March", de George Clooney, sobre uma corrida presidencial dos EUA no futuro, abrirá o festival.

O astro de Hollywood, sempre presente em Veneza, escreveu e dirigiu o drama político, que é baseado na peça "Farragut North", de Beau Willimon.