15 de Agosto de 2011 / às 23:18 / 6 anos atrás

Jessica Alba tem segunda filha e lança novo filme

Por Zorianna Kit

LOS ANGELES (Reuters) - A semana está sendo agitada para Jessica Alba e seu marido, Cash Warren. No fim de semana, ela teve sua segunda filha, Haven Garner Warren, e na próxima sexta-feira chega aos cinemas o novo filme dela, “Pequenos Espiões 4”.

Pelo Facebook, Alba avisou que Haven nasceu no sábado, “saudável e feliz”, pesando 3,175 gramas e medindo 48 centímetros.

Em “Pequenos Espiões”, Alba também é mãe recente, mas as semelhanças param por aí. Sua personagem, Marissa, é uma agente secreta aposentada, que volta à ativa levando suas duas afilhadas a tiracolo.

Antes de dar à luz, Alba, 30 anos, falou com a Reuters sobre o filme, a carreira e a maternidade.

P: É a primeira vez que você interpreta uma mãe na telona. Ter sido mãe na vida real tem algo a ver com querer participar desse projeto?

R: É, eu provavelmente não teria feito esse filme se já não fosse mãe. Então eu definitivamente quis fazer esse filme por causa dela (sua filha Honor, de 3 anos). Ela me inspirou a querer fazer isso.

P: Seu personagem se desdobra no filme entre um recém-nascido, as enteadas e uma carreira. Isso soa familiar para você?

R: Esse foi definitivamente um dos tópicos que (o diretor) Robert Rodriguez e eu conversamos bastante, e como o tempo voa quando você tem filhos - ele tem cinco! (...). De repente eles avançaram dois ou três marcos no caminho, e você diz: “Espere aí! Quando foi que eles começaram a fazer isso?” Eu certamente me relaciono com isso. E certamente me relaciono com tentar equilibrar trabalho e vida familiar.

P: Com mais uma pequena a caminho, isso vai criar todo um novo conjunto de variáveis.

R: Sinto que estou tomando pé de ser mulher e me sentindo confortável com as minhas escolhas. É um desafio compreender quanto trabalho é demais ou é insuficiente. Ou se eu estou abrindo mão de tanta coisa que não terei as oportunidades que teria se trabalhasse um pouco mais. Sei lá. Mas meu foco é a felicidade de Honor. Se ela está bem, acho que tudo vai se encaixar.

P: Você acha que está fazendo escolhas diferentes na carreira por causa dos filhos?

R: (Antes de ser mãe) minhas escolhas eram tentar permanecer relevante em nível global e me tornar uma estrela relevante do cinema. Era isso que meu agente dizia! (risos) Eu me concentrava em filmes que seriam distribuídos em âmbito global e que tivessem suficiente orçamento (de divulgação), que me dessem um contracheque e onde eu fosse a protagonista. (...) Depois que eu tive minha filha, isso não me preenchia do ponto de vista criativo (...). Agora se trata de trabalhar com cineastas para os quais eu olho e sinto que irão me desafiar e me levar ao próximo nível como atriz.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below