Clooney leva a Veneza filme sobre sujeira política

quarta-feira, 31 de agosto de 2011 13:22 BRT
 

Por Mike Collett-White

VENEZA, Itália (Reuters) - George Clooney explora o lado sujo da política em "The Ides of March", filme que abre o festival de Veneza na quarta-feira. Na trama, um assessor de um candidato democrata à Casa Branca aprende como os ideais podem ser descartáveis.

Clooney dirige e atua no filme, que tem estreia mundial no festival italiano. Na sessão para a imprensa, os aplausos foram discretos.

Ryan Gosling interpreta o protagonista Stephen Myers, assessor de imprensa do governador Mike Morris (Clooney). Ele se envolve numa intriga de sexo, poder e negociatas, num olhar crítico sobre a realidade por detrás da retórica dos políticos.

Apesar do seu belo discurso, Morris aparece como uma figura moralmente ambígua, sob pressão para fazer concessões e assim continuar como favorito na disputa presidencial.

O premiado Philip Seymour Hoffman interpreta o chefe de Myers, e Paul Giamatti é o seu rival. Evan Rachel Wood completa o elenco principal, como uma estagiária que possui um perigoso segredo.

"The Ides of March" inspira-se na peça "Farragut North", de Beau Willimon, que por sua vez se baseia livremente na campanha de Howard Dean nas primárias democratas de 2004.

A sessão do filme na quarta-feira marca o início dos 11 dias de festival, que promete trazer grandes astros a Veneza, num evento que de certa forma marca o início da temporada de premiações que culmina com o Oscar.

Milhares de fãs e jornalistas chegam à ilha do Lido, onde acontece o festival, para verem seus ídolos e transmitirem para o resto do mundo o glamour do mais antigo festival do cinema mundial.   Continuação...

 
George Clooney divulga seu filme "The Ides of March" na abertura do Festival de Cinema de Veneza.
31/08/2011 REUTERS/Alessandro Bianchi