Festival no Colorado reúne Clooney, Scorsese e Glenn Close

sexta-feira, 2 de setembro de 2011 11:22 BRT
 

Por Christine Kearney

NOVA YORK (Reuters) - Um documentário de Martin Scorsese sobre o falecido beatle George Harrison, a presença de George Clooney em "Os Descendentes", e um filme em que Glenn Close interpreta uma mulher que se faz passar por um mordomo -- todos eles estão na programação do Festival de Cinema de Tellurid, uma estação de esqui no Colorado, que começa na sexta-feira.

O evento, que se estende pelo fim de semana prolongado dos EUA, é visto como um dos principais acontecimento cinematográficos do país, sempre mostrando um eclético conjunto de filmes estrangeiros e norte-americanos. A programação definitiva para esta edição foi divulgada na quinta-feira, mas é comum que haja inclusões de última hora -- e que esses filmes acabem disputando o Oscar.

Outros destaques deste ano incluem "A Dangerous Method", de David Cronenberg, com Michael Fassbender, Viggo Mortensen e Keira Knightley, mostrando o turbulento relacionamento do psicanalista Carl Gustav Jung, seu mentor Sigmund Freud e a paciente Sabina Spielrein.

"Os Descendentes", dirigido por Alexander Payne, tem George Clooney no papel de um pai de família indiferente que é forçado a re-examinar sua vida. Já o drama irlandês "Albert Nobbs" tem Glenn Close como roteirista e também interpretando o mordomo tímido que esconde o fato de ser mulher.

Outras obras de ficção incluem "Shame", dirigido pelo britânico Steve McQueen, também com Fassbender no elenco, e "We Need to Talk About Kevin", com Tilda Swinton.

O documentário de Scorsese sobre Harrison, "Living in the Material World", teve a colaboração da viúva do músico, Olivia, e promete canções e imagens inéditas.

Outros documentários selecionados incluem "Gazing Into the Abyss: A Tale of Death, A Tale of Life", de Werner Herzog, e "Pina", de Wim Wenders.

Alguns destaques da programação vêm de fora dos EUA. A polonesa Agnieszka Holland mostra "In Darkness", sobre um homem que trabalha na rede de esgotos e ajuda judeus a fugirem de um gueto na Polônia ocupada, e "O Cavalo de Turim", do húngaro Bela Tarr.

Os irmãos belgas Jean-Pierre e Luc Dardenne levam ao Colorado seu "O Garoto de Bicicleta", que obteve menção honrosa neste ano no Festival de Cannes. Já "L'Artiste", do francês Michel Hazanavicius, rendeu o prêmio de melhor ator a Jean Dujardin em Cannes.