ESTREIA-Damon é viúvo buscando vida nova em "Compramos um Zoo"

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011 14:52 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - Matt Damon e Scarlett Johansson estrelam o drama "Compramos um Zoológico", inspirado em fatos reais, sobre um jornalista que joga tudo para o alto e compra, com sua família a tiracolo, um zoológico falido.

Permeado pelo humor espontâneo causado pela falta de habilidade do novo proprietário em recuperar o lugar, este é um filme familiar com o objetivo claro de emocionar o espectador. Circula em cópias dubladas e legendadas.

Embora existam grandes diferenças entre o roteiro e o livro homônimo do inglês Benjamin Mee, recém-lançado no Brasil, a essência dessa inusitada situação foi mantida, graças à colaboração do autor na adaptação. Mesmo assim, o bocado de auto-ajuda da obra, principalmente sobre como a compreensão sobre os animais pode ajudar em situações de perda, foi deixado de lado.

Na versão para as telas, Mee (Matt Damon) é um jornalista que cobre situações extremas, como gravar o olho de furacões e enfrentar abelhas assassinas. No entanto, seu estilo de vida muda quando sua amada esposa Katherine (Stephanie Szostak) morre, deixando-o sozinho com seu problemático filho adolescente Dylan (Colin Ford) e a pequena Rosie (Maggie Jones).

Em busca de um novo rumo para a vida de sua família, Mee decide mudar-se. Numa atitude inusitada, em vez de comprar apenas uma casa, ele decide arrematar um zoológico inteiro. O lugar estava prestes a fechar e, se não fosse o esforço da tratadora-chefe Kelly Foster (Scarlett Johansson) e sua equipe, os animais já teriam sido sacrificados.

Empolgado com a nova aventura e os olhos brilhantes de Rosie, o novo proprietário decide reabrir o lugar, para desespero de seu filho. A trama ganha, assim, linhas dramáticas claras: o sentimento de perda e o relacionamento daqueles que ficaram, a autoconfiança de lutar pelo que se quer e, claro, a possibilidade de um novo amor.

O diretor e co-roteirista Cameron Crowe ("Jerry Maguire - A Grande Virada") sabe como contar uma história intimista. É dele também "Quase Famosos", baseado em sua experiência como repórter, ainda adolescente, na revista "Rolling Stone", quando acompanhou parte da turnê da banda Led Zeppelin.

O elenco, que ainda conta com a participação da jovem e excepcional Elle Fanning ("Super-8", "Um Lugar Qualquer"), a boa mão de Crowe e a sensibilidade da narrativa fazem de "Compramos um Zoológico" uma produção competente. Apesar do certo exagero que beira o piegas em uma série de diálogos, traz uma mensagem positiva de perseverança para quem quer se emocionar.

(Por Rodrigo Zavala, do Cineweb)

* As opiniões expressas são responsabilidade do Cineweb