"Tropa de Elite 2" fica fora da disputa pelo Oscar

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012 17:57 BRST
 

18 Jan (Reuters) - O filme brasileiro "Tropa de Elite 2", do diretor José Padilha, ficou fora da disputa pelo Oscar de Melhor Filme Estrangeiro na edição deste ano da premiação, informou a Academia de Artes e Ciências Cinematográfica nesta quarta-feira.

"Tropa de Elite 2" era o representante brasileiro na disputa por uma indicação ao Oscar. O filme havia sido escolhido por unanimidade no ano passado por uma comissão de sete pessoas ligadas aos ministérios da Cultura e de Relações Exteriores e a entidades vinculadas ao cinema nacional.

Segundo a academia cinematográfica de Hollywood, 63 filmes foram originalmente qualificados para concorrer à indicação ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro e avaliados entre meados de outubro do ano passado e a primeira quinzena de janeiro deste ano.

Agora, nove filmes seguem na disputa e a lista final com os cinco indicados ao Oscar nesta categoria será anunciada em 24 de janeiro. A cerimônia de entrega dos prêmios será em 26 de fevereiro, em Los Angeles.

Entre os filmes que disputam uma indicação ao prêmio está o iraniano "A Separação", eleito o melhor filme em língua estrangeira no Globo de Ouro 2012; "Bullhead", da Bélgica; "Monsieur Lazhar", do Canadá; "Superclásico", da Dinamarca; "Pina", da Alemanha; "Footnote", de Israel; "Omar Killed Me", do Marrocos; "In Darkness", da Polônia; e "Warriors of the Rainbow: Seediq Bale", de Taiwan.

Sucesso nas bilheterias dos cinemas brasileiros, "Tropa de Elite 2" é uma continuação do título original de 2007 e conta a história de Roberto Nascimento, capitão do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar do Rio de Janeiro no primeiro filme. No segundo longa, ele ocupa a patente de coronel e um cargo na Secretaria de Segurança Pública do Estado.

O roteiro mostra o relacionamento de Nascimento, interpretado por Wagner Moura, com o novo marido de sua ex-mulher; seu filho, agora mais velho, e o cenário das milícias que dominam algumas comunidades do Rio de Janeiro.

"Tropa de Elite 2" deixou para trás outras 14 produções na disputa pela indicação brasileira, entre elas "Assalto ao Banco Central", de Marcos Paulo; "As Mães de Chico Xavier", de Glauber Filho e Halder Gomes; e "Bruna Surfistinha", de Marcus Baldini.

(Por Bruno Marfinati, em São Paulo)