Estelle é o primeiro bebê da realeza sueca em 30 anos

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012 14:42 BRST
 

ESTOCOLMO, 24 Fev (Reuters) - O novo bebê real da Suécia chama-se Estelle, anunciou o rei na sexta-feira. O nome foi associado pela mídia local com a esposa de um aristocrata sueco que salvou dezenas de milhares de judeus na 2a Guerra Mundial.

A princesa-herdeira Victoria deu à luz uma menina na quinta-feira de manhã. A criança é a segunda na linha sucessão do trono, depois de Victoria, e é o primeiro nascimento real em 30 anos.

"É um nome que é muito próximo do coração da princesa e também da família", afirmou o rei Carl Gustaf em uma reunião com autoridades para anunciar o nome, que por completo é Estelle Silvia Ewa Mary.

Estelle era o nome da esposa norte-americana do Conde Folke Bernadotte. Seu nome de solteira era Manville e ela morreu na Suécia, em 1984.

Folke Bernadotte, sobrinho de um rei e vice-chefe da Cruz Vermelha sueca, ficou famoso após arranjar ônibus brancos para salvar dezenas de milhares de judeus do extermínio na Alemanha nazista na 2da Guerra Mundial.

Como primeira autoridade mediadora da Organização das Nações Unidas, porém, ele foi assassinado por um grupo judaico em 1948, depois de negociar uma trégua na primeira guerra árabe-israelense.

O nascimento de Estelle pode revigorar a monarquia, após dois anos de reportagens embaraçosas associadas ao suposto estilo de vida de "garanhão" do rei.

As reações ao nome, raro na Suécia, foram diversas.

"Completamente inadequado", exclamou o tabloide Aftonbladet na manchete.

Todos os sites dos diários mais importantes, porém, publicaram manchetes com o nome completo do bebê, uma foto do casal feliz carregando a menina após o nascimento na quinta-feira e uma foto do rei fazendo o anúncio.

(Por Mia Shanley e Patrick Lannin)