Pose de Jolie no Oscar faz sucesso na Internet

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 22:07 BRT
 

Por Piya Sinha-Roy

LOS ANGELES, 28 Fev (Reuters) - A perna exposta de Angelina Jolie durante a cerimônia do Oscar rendeu várias piadas e nesta terça-feira ela virou uma celebridade com vida própria e milhares de seguidores na Internet.

Jolie, acostumada a ser o foco das atenções, foi à festa do Oscar, no domingo, usando um vestido preto Atelier Versace com uma fenda ousada. Habitualmente séria, a atriz e diretora fez graça para exibir a perna direita sobre o palco, levando a muitas perguntas sobre suas motivações.

Denise Warner, editora-executiva da HollywoodLife.com, especulou que fosse uma piada interna dela com o marido, Brad Pitt, que estava sentado na primeira fila.

"Não vemos o lado sexy (de Jolie), embora ela seja incrivelmente sexy, ela nunca é tão deliberada com a sua sexualidade, e por isso todo mundo caiu em cima. Especialmente agora que ela é mãe e tenta ser mais reservada. Aquilo foi completamente fora do caráter dela", disse Warner.

Minutos depois da aparição da perna, que foi imitada pelo roteirista Jim Rash, de "Os Descendentes", ao receber o prêmio das mãos da atriz, surgiu no Twitter a conta @AngiesRightLeg ("a perna direita da Angie"), que nesta terça-feira já tinha ganhado mais de 34 mil seguidores, inclusive celebridades como Rob Lowe.

A conta não é muito rica em detalhes. Seus posts dizem coisas como "Olha a perna!" ou "Vocês precisam admitir que eu sou uma perna e tanto".

A perna de Jolie superou outra paródia do Twitter, a conta @JLosNipple (homenagem ao decote de Jennifer Lopez no Oscar), que tem apenas 4.900 seguidores.

Mesmo além do Twitter a coxa de Jolie se tornou viral, e o agregador de mídias sociais Buzzfeed criou uma página para usuários que estejam fazendo montagens misturando imagens suas com a perna da musa em ângulos improváveis.   Continuação...

 
A atriz Angelina Jolie posa para a mídia na chegada à cerimônia do Oscar, em Los Angeles, nos Estados Unidos, domingo. 26/02/2012 REUTERS/Lucy Nicholson