Fundação Amy Winehouse lança bolsa para escola de teatro

sexta-feira, 2 de março de 2012 16:41 BRT
 

LONDRES, 2 Mar (Reuters) - A Fundação Amy Winehouse, criada após a morte da cantora britânica no ano passado aos 27 anos, vai financiar uma bolsa de estudos para uma escola de teatro onde ela trabalhou sua voz pela primeira vez.

Winehouse tinha 13 anos quando Sylvia Young da Escola de Teatro Sylvia Young em Londres fez um teste com ela e ficou "espantada" com a versão dela para "On the Sunny Side of the Street".

O pai de Amy, Mitch, disse que a bolsa de estudos seria concedida a uma criança que não teria condições de participar da escola de outra forma, mantendo o objetivo da fundação de ajudar jovens provenientes de famílias desfavorecidas.

A entidade também foi criada para ajudar pessoas que sofrem com abuso de substâncias, depois das batalhas públicas da cantora com bebidas e drogas, que acabaram sendo fatais.

"Seria ótimo encontrar outra Amy, mas só houve uma Amy", afirmou Young. "Ficaríamos felizes em encontrar um cantor, dançarino ou ator que tenha um talento especial."

O comunicado anunciando a bolsa de estudos afirmou que o período em que Winehouse ficou na escola "levou ao sucesso dela mais tarde".

A cantora de "Rehab" na verdade saiu da escola antes de completar seus estudos e teve problemas de comportamento, mas Young negou os relatos sobre os motivos da expulsão dela.

Os detalhes para se candidatar à bolsa estão no website da fundação.

(Reportagem de Mike Collett-White)

 
A pintura 'Amy', do artista britânico Johan Andersson, é vista na parede de um pub no centro de Londres, 23 de agosto de 2011. A Fundação Amy Winehouse, criada após a morte da cantora britânica no ano passado aos 27 anos, vai financiar uma bolsa de estudos para uma escola de teatro onde ela trabalhou sua voz pela primeira vez. REUTERS/ Toby Melville