Obra-prima de Rembrandt vai a leilão na Christie's em julho

segunda-feira, 5 de março de 2012 11:56 BRT
 

Por Mike Collett-White

LONDRES, 5 Mar (Reuters) - A casa de leilões Christie's vai oferecer 15 trabalhos do "Século de Ouro" da pintura holandesa em um leilão em julho, incluindo uma "obra-prima" de Rembrandt, cuja expectativa é de que arrecade até 12 milhões de libras (19 milhões de dólares).

As obras, de propriedade dos colecionadores holandeses e filantropos Pieter e Olga Dreesmann, serão leiloadas em Londres no dia 3 de julho, como parte da venda de pinturas britânicas e de antigos mestres.

O valor acordado dos trabalhos, considerados como a coleção mais importante de um único dono dos mestres holandeses do século 17 a ser leiloada nos últimos anos, foi calculado em mais de 19 milhões de libras.

Richard Knight, co-presidente internacional de pinturas de mestres antigos da Christie's, disse que os Dreesmanns estavam "redirecionando" o interesse de sua coleção de arte e, por isso, decidiram vender as pinturas holandesas.

O ponto alto da coleção é a pintura "A Bust of a Man in a Gorget and Cap", datada de 1626/7 e avaliada entre 8 e 12 milhões de libras.

A Christie's disse que o tamanho relativamente pequeno da obra não diminui sua intensidade, criada pelo uso de luz e sombra de Rembrandt que apontava para seu compromisso estilístico com o pintor italiano Caravaggio.

O trabalho foi exibido na mostra "Rembrandt/Caravaggio" no Rijksmuseum, em Amsterdã, em 2006.