Sarah Palin desaprova atuação de Julianne Moore em "Game Change"

terça-feira, 3 de abril de 2012 20:06 BRT
 

WASHINGTON, 3 Abr (Reuters) - A ex-candidata republicana a vice-presidente dos EUA Sarah Palin desaprovou a interpretação que a atriz Julianne Moore faz dela no filme político "Game Change", mas elogiou a imitação cômica feita por Tina Fey na TV.

A crítica sobre o filme aconteceu durante uma discussão no programa "Today Show", da NBC, sobre se Ashton Kutcher era o ator certo para interpretar o fundador da Apple, Steve Jobs, morto no ano passado.

"Algum de vocês tem experiência com pessoas que são muito bem pagas para fingir ser você?", perguntou Palin aos outros participantes.

Quando surgiu a questão da interpretação de Moore, Palin fez um gesto de desaprovação, mas disse que não havia visto o filme da HBO sobre as eleições de 2008, nas quais ela foi candidata à vice-presidência pelo Partido Republicano.

"Não vi 'Game Change' porque não perco meu tempo com mentiras", acrescentou Palin, ex-governadora do Alasca.

No entanto, ela elogiou Fey, que se caracterizou em várias ocasiões como Palin no programa da NBC "Saturday Night Live" durante a campanha de 2008.

Em seu duplo papel de convidada e apresentadora substituta do programa "Today", Palin sentou-se primeiro para uma entrevista e depois passou a comentar vários segmentos do programa.

(Por Deborah Zabarenko)