Axl Rose é vaiado por plateia do Hall da Fama do rock

domingo, 15 de abril de 2012 13:45 BRT
 

A inclusão do Guns N' Roses no Hall of Fame do Rock and Roll na noite de sábado foi memorável. O nome do líder da banda, Axl Rose, que recusou publicamente a homenagem, foi vaiado pelo público assim que foi mencionado.

Mais de seis mil pessoas na plateia fizeram um coro de vaia quando Billie Armstrong, vocalista da banda Green Day, perguntou ao público "quem estava faltando", enquanto integrantes do Guns N' Roses subiram ao palco para aceitar o prêmio.

"A maioria dos cantores são loucos. Isso eu posso garantir", afirmou Armstrong para a plateia. E elogiou Rose: "Ele é um dos melhores líderes de banda a já tocar em um microfone". E acrescentou: "De vez em quando, você tem que olhar para capítulos passados da sua vida para seguir para frente".

Rose foi o primeiro artista a esnobar publicamente a honra desde que os membros sobreviventes da banda de punk rock Sex Pistols, indicados em 2006, recusaram-se a comparecer à cerimônia.

No início da semana, Rose divulgou uma carta aberta ao público dizendo que iria "respeitosamente rejeitar sua inclusão no Hall da Fama do Rock and Roll como integrante da banda Guns N' Roses" na 27a cerimônia anual, no último sábado, em Cleveland.

Outras duas notáveis ausências eram de Rod Stewart, homenageado no sábado com outros integrantes da banda Faces/Small Faces e Adam Yauch, dos Beastie Boys, que foi diagnosticado com câncer em 2009 e não pôde aceitar o prêmio com os colegas Mike D (Michael Diamond) e Ad-Rock (Adam Horowitz).

Os artistas e bandas incluídas para a cerimônia foram escolhidas por 600 profissionais da indústria fonográfica. Os homenageados ficam na exposição permanente no Museu e Hall da Fama do Rock and Roll, em Cleveland.