Ex-marido de Whitney Houston nega ter dirigido embriagado

segunda-feira, 16 de abril de 2012 17:58 BRT
 

LOS ANGELES, 16 Abr (Reuters) - O cantor Bobby Brown, mais conhecido por ser ex-marido da falecida cantora Whitney Houston, declarou-se nesta segunda-feira inocente da acusação de dirigir embriagado e com a carteira de habilitação vencida, num caso ocorrido no mês passado em Los Angeles.

Brown, de 43 anos, que participou na década de 1980 da "boy band" New Direction, não compareceu à audiência desta segunda-feira. A declaração de inocência foi apresentada por um advogado. Uma audiência prévia ao julgamento foi marcada para 16 de maio.

O cantor foi detido em 26 de março ao ser parado pela polícia por usar um celular ao volante. Ele então teria sido reprovado em um teste de sobriedade.

Brown já foi detido várias vezes por lesões corporais, por dirigir embriagado e por desrespeitar liberdade condicional. Ele passou quase 15 anos num turbulento casamento com Houston, que morreu em 11 de fevereiro, afogada numa banheira de hotel depois de consumir cocaína.

(Reportagem de Jill Serjeant)