Levon Helm, baterista do The Band, morre aos 71 anos

quinta-feira, 19 de abril de 2012 17:38 BRT
 

NOVA YORK, 19 Abr (Reuters) - O baterista Levon Helm, integrante antigo do The Band, morreu aos 71 anos nesta quinta-feira depois de uma longa batalha contra o câncer na garganta.

Helm, que também fez turnê com a banda All Star, de Ringo Starr, nos anos 1980, e que ganhou o Grammy em 2011, cancelou shows recentemente devido aos problemas de saúde.

"Levon Helm morreu em paz nesta tarde", disse a empresária de Helm, Barbara O'Brien, em comunicado. "Ele estava rodeado pela família, amigos e colegas da banda e será lembrado por todos aqueles que ele impressionou como músico brilhante e uma bela alma".

A morte do baterista aconteceu dias depois de sua mulher Sandy e sua filha Amy postarem uma mensagem no site oficial dele, em 17 de abril, dizendo que Helm "está nos estágios finais de sua batalha contra o câncer. Por favor, enviem suas orações e o seu amor para ele, enquanto ele passa por essa parte da jornada."

Helm foi diagnosticado com câncer na garganta em 1998. A certo ponto, o nativo do Arkansas perdeu a voz e quase a sua casa de Woodstock, em Nova York, devido a dívidas médicas.

Em vez disso, ele transformou a casa, mais conhecida como The Barn, em uma sala de concerto semanal que atraiu multidões, grandes nomes como Emmylou Harris e Kris Kristofferson, e acabou conseguindo pagar a hipoteca e rejuvenescendo sua carreira.

Helm era mais conhecido pelos anos que passou no The Band, onde tocou bateria, guitarra, mandolim e cantou até o show de despedida do grupo "The Last Waltz", de 1976, que foi filmado pelo diretor Martin Scorsese.

(Reportagem de Jonathan Allen)

 
O lendário baterista de rock Levon Helm sorri ao apresentar os 22ºs W.C. Handy Awards em Memphis, 24 de maio de 2001. REUTERS/Jeff Mitchell