Ônibus espacial Enterprise pousa em NY e será exposto em museu

sexta-feira, 27 de abril de 2012 19:23 BRT
 

Por Thomas Grove

NOVA YORK, 27 Abr (Reuters) - O ônibus espacial Enterprise voou de Washington para Nova York nesta sexta-feira agregada a um Boeing 747 e fez um voo dramático ao longo do rio Hudson, passando pela Estátua da Liberdade, para o deleite dos observadores.

Em direção ao Aeroporto Internacional John F. Kennedy, o ônibus espacial aposentado voou a baixa altitude ao longo do rio, dando aos moradores de Nova York e Nova Jersey uma visão extraordinária da aeronave, que será posta em exibição em um museu de Nova York.

Depois de três décadas, os Estados Unidos aposentaram o programa de ônibus espacial no ano passado após construírem por 100 bilhões de dólares a Estação Espacial Internacional, um projeto que envolveu 15 países. Vão começar a trabalhar em uma nova geração de espaçonaves que levarão astronautas para além da órbita da estação, que fica a 384 quilômetros de altura.

A Enterprise decolou do Aeroporto Internacional Dulles de Washington por volta das 9h30 (horário local). O voo fora reprogramado porque na quarta-feira o tempo não estava favorável.

A espaçonave passou pela Estátua da Liberdade, pelo rio Hudson e pela ponte George Washington antes de aterrissar em meio aos aplausos de estudantes vestidos em trajes de astronautas. Ela também foi recebida por membros da tripulação de seu voo original.

"Sinto orgulho porque a Enterprise vai encontrar um bom abrigo aqui", disse o major-general na reserva da Força Aérea, Joe Engle, que comandou a primeira tripulação que conduziu os voos-teste com a Enterprise no final dos anos 1970.

"Vocês têm uma tremenda peça de maquinário aqui", ele disse.

O ator Leonard Nimoy, que interpretou Spock na série televisiva "Star Treck" e nos filmes, estava presente na chegada. Ele se lembrou de quando a Enterprise, que traz o mesmo nome da nave de "“Star Treck", foi exibida na Califórnia.   Continuação...

 
Leonard Nimoy discursa após o ônibus espacial Enterprise, sobre um 747 modificado pela NASA, aterrisar no aeroporto JFK em Nova York, 27 de abril de 2012. REUTERS/Keith Bedford