Com 'Love', Michael Haneke ganha Cannes pela segunda vez

domingo, 27 de maio de 2012 16:20 BRT
 

CANNES, 27 Mai (Reuters) - O diretor austríaco Michael Haneke ganhou a premiação principal do Festival de Cannes, a Palma de Ouro, neste sábado, com o filme "Love" (Amour), a história de um casal de idosos diante do inescapável e ainda assim trágico caminho para a morte.

Haneke se junta a uma elite de diretores que receberam o prêmio duas vezes. Em 2009, ele ganhou com "A Fita Branca".

"Love" foi praticamente todo filmado dentro de um apartamento em Paris. O filme, realizado pelo diretor, hoje considerado um dos grandes da Europa, levou a audiência às lágrimas em Cannes.

"Love" também foi aclamado por conta dos seus dois protagonistas, Jean-Louis Trintignant e Emmanuelle Riva, ambos na casa dos 80 anos.

"Um obrigado muito, muito grande aos meus atores. O filme é deles", disse Haneke na cerimônia de encerramento do festival. Cannes terminou sob forte chuva.

Os críticos foram quase unânimes nos elogios ao filme. "Na história dos filmes de amor, 'Love' vai ficar para sempre", escreveu Mary Corliss, da revista Time.

O segundo prêmio ficou com "Reality", uma análise de Matteo Garrone sobre a obsessão da sociedade com a celebridade e os reality shows.

O britânico Ken Loach ficou com o Prêmio do Júri, ou o terceiro prêmio, por "The Angels' Share".

O mexicano Carlos Reygadas ganhou o prêmio de melhor diretor por "Post Tenebras Lux".   Continuação...