Show para a rainha atrai multidão em Londres; marido é internado

segunda-feira, 4 de junho de 2012 20:39 BRT
 

Por Mohammed Abbas e Mike Collett-White

LONDRES, 4 Jun (Reuters) - Robbie Williams abriu na segunda-feira um show para milhares de pessoas em frente à residência oficial da rainha Elizabeth 2a, como parte das celebrações dos 60 anos de reinado da monarca britânica, que acabaram ofuscadas pela notícia da internação do marido dela.

O príncipe Philip, que completa 91 anos na semana que vem, foi hospitalizado devido a uma infecção renal, "por precaução", segundo o palácio de Buckingham.

Ele deve permanecer alguns dias sob observação, mas isso não impediu a rainha de assistir ao show de segunda-feira, com atrações como Paul McCartney e Stevie Wonder.

Na terça-feira, a rainha também estará sem o marido no culto de ação de graças na catedral de São Paulo, na procissão de carruagens pelo centro de Londres e ao acenar para simpatizantes na sacada do palácio.

Numa noite clara de segunda-feira, centenas de milhares de pessoas de todo o mundo lotaram a rua de pavimento vermelho que leva à residência oficial da rainha, de 775 cômodos. A multidão viu o show ao vivo ou por telões.

Entre as outras atrações da noite estavam Annie Lennox, Cliff Richard, Shirley Bassey, Elton John e Tom Jones. Grace Jones se apresentou com um extravagante traje rubro-negro, girando um bambolê sem parar. O pianista Lang Lang e a cantora de ópera Renée Fleming deram um toque clássico ao evento, e um coro apresentou uma canção composta para a ocasião por Andrew Lloyd Weber e Gary Barlow.

Wonder apresentou uma versão especial de "Isn't She Lovely", e puxou o "Parabéns a Você" para Elizabeth. O show terminou com Paul McCartney cantando sucessos dos Beatles.

Ao final de três horas de apresentações, a rainha, com aspecto cansado, subiu ao palco ao lado do filho primogênito, Charles, que leu um tocante tributo.   Continuação...

 
O príncipe Charles beija a mão da rainha Elizabeth durante show de comemoração ao Jubileu de Diamante, em Londres, nesta segunda-feira. REUTERS/David Moir