Moda e carros velozes: exposição exibe legado dos filmes de James Bond

quinta-feira, 5 de julho de 2012 15:47 BRT
 

LONDRES, 5 Jul (Reuters) - Suave, sofisticado, sexista. James Bond significa muitas coisas para muitas pessoas desde que apareceu pela primeira vez nas telas há 50 anos. Uma nova exposição que marca o aniversário observa outro lado do agente secreto fictício: seu papel como criador de tendências.

A exposição "Designing 007: Fifty Years of Bond Style" abre na sexta-feira no Barbican Centre, de Londres, e traça a importância da moda e do design nos 22 filmes oficiais de James Bond lançados até agora.

Ela está entre uma série de eventos para comemorar os 50 anos do lançamento de "Dr. No", o primeiro filme da franquia com Sean Connery no papel principal, que lançou um dos personagens mais famosos da história do cinema.

A Bond-mania deve continuar quando "Skyfall", o filme número 23 da série e o terceiro com Daniel Craig como Bond, chegar aos cinemas em outubro e novembro.

"Acho que este é um aspecto às vezes menosprezado e a exposição ressalta como foram influentes o estilo de Bond e o design ao longo das décadas", disse Neil McConnon, da divisão de artes da Barbican International Enterprises.

Ele trabalhou ao lado dos curadores Bronwyn Cosgrave e da figurinista Lindy Hemming, laureada pelo Oscar, para montar a exposição, que viajará por outros países nos próximos três anos, ressaltando o apelo global dos filmes.

"Acredito que a franquia de filmes esteve à frente de seu tempo."

Assim como a influência nos cortes dos ternos dos homens e no desejo dos espectadores por carros esportivos vintage, Bond também abriu as portas para o mundo, com suas explorações desafiadoras.

"A influência também pode ser observada em termos de turismo", disse McConnon. "As locações exóticas de Bond inspiraram as pessoas a viajar e a explorar os lugares."

Em exposição, há dezenas de figurinos originais, adereços, vestidos e outras parafernálias de Bond. Graças a um acordo com a EON Productions, que faz os filmes, há clipes dos filmes e áudio para ilustrar os objetos em ação.

(Reportagem de Mike Collett-White)