Batman poderia voar, mas morreria espatifado no chão

segunda-feira, 9 de julho de 2012 16:56 BRT
 

LONDRES, 9 Jul (Reuters) - Santo pouso acidentado de Batman! O herói encapuzado que combate o crime poderia até voar, mas correria o risco de se espatifar contra o solo e morrer, segundo cálculos feitos por estudantes britânicos de Física.

Quatro estudantes da Universidade de Leicester puseram por terra os sonhos de fãs do personagem no mundo todo ao dizerem que, embora Batman pudesse planar usando sua capa, como fez no filme "Batman Begins", de 2005, sua aterrissagem iria quase com certeza ser fatal.

O superherói estará de volta aos cinemas este mês em "Batman: o Cavaleiro das Trevas Ressurge". Os estudantes sugeriram que Batman primeiro vá às compras antes de fazer uma tentativa semelhante de sobrevoar Gotham City.

“"Se Batman quisesse sobreviver ao voo, ele definitivamente iria precisar de uma capa maior", disse David Marshall, 22 anos, um dos estudantes no último dos quatro anos de Física.

"“Ou se preferir manter seu estilo intacto, ele poderia optar por usar propulsão ativa, como jatos, para se manter no ar", comentou.

Em um trabalho intitulado "Trajetória de um Batman em queda", o grupo argumentou que se o herói saltasse de um prédio de 150 metros de altura, a envergadura de 4,7 metros da asa de sua capa iria lhe permitir planar por 350 metros.

No entanto, ele alcançaria a velocidade de 109 quilômetros por hora e acabaria batendo no solo à velocidade de 80 quilômetros por hora, o que costuma ser fatal.

(Reportagem de Michael Holden)