Kristen Stewart e Rupert Sanders se desculpam por caso amoroso

quarta-feira, 25 de julho de 2012 18:07 BRT
 

LOS ANGELES, 25 Jul (Reuters) - A atriz Kristen Stewart pediu desculpas nesta quarta-feira ao seu namorado, o também ator Robert Pattinson, por ter mantido um caso paralelo com o diretor do seu filme mais recente, Rupert Sanders.

O cineasta também divulgou nota dizendo-se "profundamente perturbado" por ter magoado sua esposa e filhos, depois da divulgação de fotos em que ele aparecia abraçando e beijando Stewart, de 22 anos.

"A indiscrição momentânea ameaçou a coisa mais importante da minha vida, a pessoa que mais amo e respeito, Rob. Eu o amo, eu o amo, sinto muito", disse Stewart em nota à revista People.

Kristen e Pattinson, de 26 anos, formam o par romântico da série de filmes "Crepúsculo", e são namorados desde 2010.

Em nota à Reuters, Sanders disse: "Minha linda esposa e os filhos celestiais são tudo o que eu tenho neste mundo. Eu os amo de todo coração. Estou rezando para que possamos superar isso juntos."

O britânico Sanders é casado com a modelo e atriz Liberty Ross, de 33 anos, com quem ele tem dois filhos. Como num bom drama hollywoodiano, Ross interpretou recentemente a mãe de Stewart, que fez o papel da Branca de Neve.

Representantes de Kristen e Pattinson não atenderam aos pedidos da Reuters para comentar o caso.

Recentemente, o casal esteve na feira Comic-Con, em San Diego, para promover o último episódio da série "Crepúsculo".

O estúdio Universal anunciou em junho uma continuação de "Branca de Neve e o Caçador", mas não confirmou se Sanders será o diretor, ou se Stewart continuará como a protagonista, o que é esperado.

(Reportagem de Piya Sinha-Roy)