Presidente mundial da rede CNN renuncia em meio à baixa audiência

sexta-feira, 27 de julho de 2012 18:06 BRT
 

27 Jul (Reuters) - O presidente mundial da CNN, Jim Walton, anunciou nesta sexta-feira que deixará o cargo na emissora, que já foi líder entre os canais de notícias, mas nos últimos anos enfrenta uma queda na audiência.

A emissora afirmou que o executivo-chefe da Turner Broadcasting, Phil Kent, vai começar a procurar um substituto para Walton, que fica no cargo até o último dia do ano.

"A CNN precisa de um novo pensamento. Isso começa com um novo líder, que traga uma perspectiva diferente, experiências diferentes e um novo plano", disse Walton, de 54 anos, presidente desde 2003.

Fundada em 1980, e hoje pertencente ao grupo Time Warner, a CNN tenta manter um tom imparcial em suas coberturas, o que alguns dizem ter causado a perda de espectadores para concorrentes mais opinativos, como Fox News e MSNBC.

De setembro passado até a semana que terminou em 22 de julho, a CNN aparece atrás de ambos os canais nos índices de audiência, obtendo uma média de 584 mil espectadores no horário nobre, contra 1,82 milhão da Fox e 726 mil da MSNBC.

No segundo trimestre, a CNN teve sua pior audiência do horário nobre em 21 anos, e seu total de espectadores caiu 35 por cento em relação a um ano antes. O canal também recebeu críticas em junho por cometer um erro na cobertura de uma sentença da Suprema Corte sobre a saúde pública.

(Reportagem de Liana B. Baker)