Rihanna admite que ainda ama Chris Brown

segunda-feira, 20 de agosto de 2012 16:59 BRT
 

LOS ANGELES, 20 Ago (Reuters) - Mais de três anos depois de ser agredida pelo então namorado Chris Brown, a cantora de R&B Rihanna admitiu que ainda o ama, chamando Brown de possivelmente "o amor da minha vida".

A cantora de "Umbrella" disse em entrevista a Oprah Winfrey no domingo que ela e Brown, de 23 anos, reconstruíram sua confiança e agora têm uma "amizade muito próxima".

Brown foi condenado em 2009 por agredir Rihanna, sua namorada na época, em um ataque violento na véspera da entrega dos prêmios Grammy em Los Angeles.

Ele pediu desculpas publicamente e foi condenado a cinco anos de liberdade condicional, a prestar serviço comunitário, aconselhamento contra violência doméstica e a ficar longe de Rihanna.

A ordem de restrição foi retirada no ano passado, e o casal se juntou no estúdio em 2012 para os trabalhos dos singles "Birthday Cake" e "Turn Up the Music", alimentando especulações de que eles estavam juntos novamente.

"Temos mantido uma amizade muito próxima desde que a ordem de restrição foi retirada. Nós trabalhamos nisso, pouco a pouco, e não tem sido fácil ...Construímos uma relação de confiança novamente. Nós nos amamos e provavelmente sempre vamos nos amar e isso não é algo que vamos tentar mudar", declarou Rihanna, de 24 anos, a Oprah Winfrey.

Rihanna disse que é difícil esconder seus sentimentos quando se encontra com Brown.

"É estranho, porque eu ainda o amo. Meu estômago se contorce e tenho que manter a fisionomia inexpressiva e não deixar que isso tome conta de mim ...Acho que ele era o amor da minha vida."

(Reportagem de Jill Serjeant)