Autógrafo de Neil Armstrong triplica de valor após sua morte

sexta-feira, 31 de agosto de 2012 19:26 BRT
 

LOS ANGELES, 31 Ago (Reuters) - Um cartão postal assinado pelo primeiro homem que pisou na lua, Neil Armstrong, foi vendido por 2.384 dólares, mais de três vezes a estimativa pré-venda, indicando um aquecimento do mercado após a morte do astronauta na semana passada.

O cartão postal sem data de Vero Beach, na Flórida, endereçado "Para Steven" e assinado por Armstrong, tinha um valor inicial estimado de 700 dólares antes do leilão.

Esse era um dos milhares que o astronauta da Apollo 11 assinou para fãs e colecionadores por muitos anos, depois de sua viagem histórica para a lua em julho de 1969.

Armstrong morreu em 25 de agosto aos 82 anos após complicações de uma operação no coração.

"Como a Apollo 11, os preços do autógrafo de Neil Armstrong parecem estar decolando para a estratosfera. Assinaturas triplicaram de valor e fotos assinadas dobraram apenas em questão de dias. A demanda por seu autógrafo ontem (quinta-feira) foi sem precedentes", disse o proprietário da casa de leilões Nate D. Sanders Auctions, Nate Sanders.

Sanders disse que Armstrong assinou fotos até meados de 1980, com cada autógrafo sendo vendido por cerca de 8 a 12 dólares cada. Ele afirmou que três diferentes fotos da Apollo 11 assinadas por toda a tripulação, que incluía Armstrong, Buzz Aldrin e Michael Collins, foram vendidas por 7.361 dólares cada no leilão de quinta-feira.

(Reportagem de Jill Serjeant)