Memorial para Neil Armstrong lota catedral de Washington

quinta-feira, 13 de setembro de 2012 15:48 BRT
 

Por Ian Simpson

WASHINGTON, 13 Set (Reuters) - O astronauta norte-americano Neil Armstrong, a primeira pessoa a pisar na Lua, foi lembrado em uma missa na Catedral Nacional dos Estados Unidos, na quinta-feira, como um herói modesto que liderou a humanidade no espaço.

As pessoas que lotaram a catedral para marcar a morte de Armstrong no mês passado ouviram ele ser descrito como a personificação dos melhores valores norte-americanos e um piloto dedicado que saiu dos holofotes depois do histórico pouso na Lua em 1969.

"Ele personificava tudo o que é bom e grande na América. Neil, onde quer que você esteja, você nos mostrou de novo um caminho para as estrelas", disse Eugene Cernan, o último homem a pisar na Lua como comandante da missão Apollo 17, de 1972.

"Enquanto você sobe aos céus, onde nem mesmo as águias se atrevem a ir, você de fato agora consegue tocar a face de Deus."

A missa incluiu o hino da Marinha "Eternal Father Strong To Save" e o clássico de Frank Sinatra "Fly Me To The Moon", interpretado por Diana Krall.