Músicos da Orquestra Sinfônica de Chicago entram em greve

domingo, 23 de setembro de 2012 14:07 BRT
 

23 Set (Reuters) - Músicos da Orquestra Sinfônica de Chicago entraram em greve após rejeitarem acordo sobre aumentos salariais e benefícios de saúde.

A Associação da Orquestra Sinfônica de Chicago disse em comunicado que o sindicato que representa a orquestra de 109 membros rejeitou um contrato de três anos que elevaria o salário-base de 2.785 dólares por semana para 2.795 dólares por semana no primeiro ano, 2.835 dólares por semana no segundo ano e 2.910 dólares por semana no terceiro ano.

A Associação também propôs aumentar a contribuição dos músicos para seus custos de saúde de 5 por cento na última versão do contrato para 12 por cento. Negociadores em nome dos músicos disseram que isso teria mais do que anulado o proposto aumento salarial, reduzindo de maneira geral sua remuneração.

(Reportagem de Jane Sutton)