Críticos veem falta de magia em romance adulto de J.K. Rowling

quinta-feira, 27 de setembro de 2012 11:43 BRT
 

Por Mike Collett-White

LONDRES, 27 Set (Reuters) - A primeira incursão de J.K. Rowling na ficção adulta dividiu os críticos, e muitos acham que falta magia a "The Casual Vacancy", romance que chega às livrarias nesta quinta-feira.

Independentemente disso, o novo trabalho da autora da série "Harry Potter" tem lugar quase assegurado nas listas de best-sellers, uma vez que Rowling atrai muita atenção por parte da imprensa e do público devido ao sucesso alcançado com a série infanto-juvenil.

"The Casual Vacancy" aborda as diferenças sociais numa pequena cidade inglesa chamada Pagford, num enredo que também incorpora uso de drogas, sexo entre adolescentes e violência doméstica.

Michiko Kakutani, do The New York Times, comparou alguns personagens esnobes e tacanhos à odiosa família Dursley do universo de Harry Potter.

"Só se pode admirar sua sagacidade em enfrentar as esmagadoras expectativas criadas pelo fenômeno global que foi Harry Potter", escreveu Kakutani. "Infelizmente, o mundo da vida real que ela desenhou nessas páginas é tão deliberadamente banal, tão depressivamente clichê, que ‘The Casual Vacancy' é não só frustrante -- é chato."

Outros críticos foram mais condescendentes, e várias resenhas em jornais dos EUA e Grã-Bretanha consideraram o romance aceitável.

"‘The Casual Vacancy' não é uma obra prima, mas não é de todo ruim: inteligente, esforçado, e muitas vezes engraçado", disse Theo Tait, no britânico Guardian. "O pior que se poderia dizer a respeito, realmente, é que ele não merece o frenesi midiático que o cerca. E quem hoje em dia acha que mérito e publicidade têm algo a ver um com o outro?"

Publicidade, aliás, é o que não faltou no primeiro trabalho de Rowling após os sete volumes da série "Harry Potter", que venderam 450 milhões de exemplares no mundo todo. Em Londres, muitas livrarias abriram antes do normal para atender à demanda, e nos EUA o livro saiu com uma tiragem inicial estimada em 2 milhões de exemplares.   Continuação...

 
Primeiro romance adulto de J.K. Rowling chega às livrarias nesta quinta-feira e já é alvo de críticas. 27/09/2012 REUTERS/Neil Hall