Stella McCartney leva ar chique de country club a Paris

segunda-feira, 1 de outubro de 2012 14:35 BRT
 

Por Alexandria Sage

PARIS, 1 Out (Reuters) - Bastava uma rápida olhada no convite para o desfile de verão de Stella McCartney para ter certeza que o evento seria peculiar, já que estava decorado com um tubo plástico transparente moldado em forma de óculos.

Mas mesmo uma pessoa míope não deixaria de notar os tons chamativos de laranja, amarelo-canário e verde-sapo Kermit que desfilaram na passarela de Paris nesta segunda-feira, em silhuetas longas e esportivas.

Apresentada em um salão de beleza ornamentado dentro da Ópera Garnier, a coleção primavera/verão 2013 de McCartney teve um quê de geometria, com alguns cortes severos suavizados por tecidos transparentes e looks reveladores.

Círculos brilhantemente coloridos de organza de seda tomaram o centro do palco em vestidos finos cortados nas canelas, enquanto decotes profundos e exagerados em V deixaram exposta a pele sob jaquetas quadradas, algumas com ombreiras pronunciadas que Joan Crawford teria amado.

"Eu realmente defendo as mulheres, eu admiro as mulheres", disse McCartney após o desfile. "Eu quero que minhas coleções lhes deem poder."

Contudo, apesar da estrutura escondida em bustiês de algodão e vestidos de piquê, o desfile da estilista britânica deu destaque para a fluidez.

Um conjunto todo verde de calças "slouchy" (com gancho deslocado e perna afunilada) e pulôver com mangas esvoaçantes dava um ar tão relaxante quanto apreciar um gim e tônica depois de uma rodada de golfe à tarde, enquanto calças brancas e blusas com a manga até o cotovelo transmitiram um novo espírito de tênis-clube.

Todos os olhos antes do show estavam na supermodelo Kate Moss, que entrou no salão dourado com óculos de sol e um vestido de franja preta, oferecendo um alegre "bom dia, pessoal!" para a primeira fila.   Continuação...

 
Modelo apresenta criação da designer britânica Stella McCartney como parte de sua coleção primavera/verão 2013, na semana de moda de Paris. 01/10/2012 REUTERS/Benoit Tessier