Pippa Middleton lança livro e se diz "impressionada" com a fama

terça-feira, 23 de outubro de 2012 18:25 BRST
 

Por Mike Collett-White

LONDRES, 23 out (Reuters) - A queridinha dos paparazzi Pippa Middleton já é uma celebridade mundial. Agora, a irmã de 29 anos da futura rainha da Inglaterra quer se tornar uma marca global. A mulher cuja presença no espetacular casamento entre Kate Middleton e o príncipe William, em 2011, causou tanta sensação quanto a noiva escreveu um livro com dicas sobre como planejar festas que chega às livrarias esta semana.

O livro "Celebrate: A Year of British Festivities for Families and Friends" já foi tão elogiado quanto criticado antes do lançamento de quinta-feira. A introdução escrita por Middleton dominou as manchetes até agora.

Nos comentários, ela fala sobre ser uma das pessoas mais fotografadas do mundo e sobre o tópico que muitas pessoas associam a ela: seu traseiro.

"É um pouco espantoso conquistar reconhecimento global (se é que essa é a palavra certa) antes dos 30 anos, por conta da irmã, do cunhado e de seu bumbum", escreveu ela com a candura que ganhou admiradores na imprensa britânica.

"Um dia eu poderei ser capaz de entender o sentido disso. Por enquanto, acho que é justo dizer que isso tem seu lado bom e seu lado ruim." O lado bom pode ser o tamanho do acordo do livro.

O selo Michael Joseph, da Penguin, que publica o livro de capa dura com 416 páginas na Grã-Bretnha, não quis dar detalhes sobre o acordo, embora uma porta-voz tenha dito a alguns órgãos de imprensa que o livro se aproximou dos títulos de ficção.

A soma de 400 mil libras (640 mil dólares) foi amplamente divulgada, mas não há fontes que a confirmem.

Lena Dunham, três anos mais nova do que Middleton e criadora norte-americana da comédia da HBO "Girls", recebeu mais de 3,5 milhões de dólares pelo seu primeiro livro, de acordo com o New York Times.

 
Pippa Middleton, irmã da futura rainha da Inglaterra, é vista nesta foto de junho deste ano ao chegar para assitir partida de tênis entre Serena Williams e Melinda Czink, em Londres. A queridinha dos paparazzi já é uma celebridade mundial. Agora, Pipa quer se tornar uma marca global. 28/06/2012 REUTERS/Toby Melville