Advogada e cineasta iranianos recebem Prêmio Sakharov da UE

sexta-feira, 26 de outubro de 2012 12:12 BRST
 

Por Claire Davenport

BRUXELAS, 26 Out (Reuters) - O prêmio da União Europeia para direitos humanos e liberdade de pensamento foi concedido nesta sexta-feira a dois iranianos, uma advogada e um cineasta que estão reclusos no Irã por desafiarem a liderança do país.

A advogada de direitos humanos Nasrin Sotoudeh, de 49 anos e que está detida, e o cineasta Jafar Panahi, de 52 anos, foram agraciados com o Prêmio Sakharov do Parlamento Europeu por sua coragem em defender as próprias liberdades básicas e de outros, anunciou o Parlamento.

Nomeado em homenagem ao cientista soviético e dissidente Andrei Sakharov, o prêmio é atribuído pelo Parlamento Europeu anualmente desde 1988. Os primeiros ganhadores foram Nelson Mandela e o autor russo e dissidente Anatoly Marchenko. A banda russa de punk Pussy Riot também foi indicada este ano.

"O prêmio é... uma mensagem de solidariedade e reconhecimento a uma mulher e a um homem que não se curvaram pelo medo e pela intimidação e que decidiram colocar o destino de seu país antes de seu próprio", disse o presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, ao anunciar os vencedores.

Marietje Schaake, integrante holandesa liberal do Parlamento que nomeou Sotoudeh para o prêmio, afirmou que os ganhadores devem chamar a atenção para a ação repressiva realizada pelas autoridades iranianas contra ativistas de direitos humanos.

Sotoudeh foi presa em setembro de 2010 por suspeita de divulgar propaganda e de conspirar para prejudicar a segurança do Estado. Ela cumpre pena de prisão de seis anos em confinamento solitário.

Ela defendeu jornalistas e ativistas de direitos humano, incluindo o ganhador do Prêmio Nobel Shirin Ebadi e a holandesa Zahra Bahrami, que foi enforcada em janeiro de 2011 sob acusação de tráfico de drogas.

(Reportagem de Claire Davenport)

 
Diretor de cinema Jafar Panahi e a advogada Nasrin Sotoudeh receberam o prêmio da União Europeia. 25/02/2010. REUTERS/Stringer