Nova Zelândia se transforma para receber estreia da trilogia "Hobbit"

terça-feira, 27 de novembro de 2012 14:33 BRST
 

Por Gyles Beckford

WELLINGTON, 27 Nov (Reuters) - A capital da Nova Zelândia estava correndo para completar sua transformação em um paraíso para os seres de pés peludos e orelhas pontudas nesta terça-feira, enquanto as estrelas chegavam para a estreia mundial há muito aguardada do primeiro filme da trilogia Hobbit.

Wellington, onde mora o diretor Peter Jackson e local de grande parte da pós-produção, foi renomeada para "O Centro da Terra Média", com fãs promovendo festas a fantasia e os trabalhadores da cidade se preparando para colocar 500 metros de tapete vermelho.

Um jato da Air New Zealand especialmente decorado com o tema Hobbit trouxe o elenco, membros da produção e funcionários do estúdio para a estreia.

Jackson, que já trabalhou em um jornal local e é considerado um herói da cidade, disse que ainda estava editando a versão final de "Hobbit: Uma Jornada Inesperada" antes da exibição de quarta-feira.

Os filmes são baseados no livro de J.R.R. Tolkien e contam a história que leva até sua fantasia épica "O Senhor dos Anéis", que Jackson transformou em três filmes ganhadores do Oscar há cerca de 10 anos.

A história se passa 60 anos antes de "O Senhor dos Anéis" e foi originalmente planejada como apenas dois filmes, antes da decisão de que havia material suficiente para justificar uma terceira parte.

Fãs da Nova Zelândia estavam se preparando para conseguir os melhores lugares para ver as estrelas do filme, incluindo o ator britânico Martin Freeman, que interpreta o hobbit Bilbo Bolseiro, Hugo Weaving, Cate Blanchett e Elijah Wood.

"Tem sido uma espera de 10 anos para estes filmes, a Nova Zelândia é o lar espiritual de Tolkien, então de jeito nenhum nós vamos perder isso", disse o funcionário de um escritório Alan Craig, que se confessou maníaco pelo "Senhor dos Anéis".   Continuação...

 
Pedestres passam por modelo gigante do personagem Gandalf, de J. R. R. Tolkien, montado na frente do Teatro da Embaixada em Wellington. A capital da Nova Zelândia estava correndo para completar sua transformação em um paraíso para os seres de pés peludos e orelhas pontudas nesta terça-feira, enquanto as estrelas chegavam para a estreia mundial há muito aguardada do primeiro filme da trilogia Hobbit. 27/11/2012 REUTERS/Mark Coote