Novo livro sobre Whitney Houston lembra magia musical da cantora

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012 17:59 BRST
 

LOS ANGELES, 7 Dez (Reuters) - Um novo livro sobre Whitney Houston escrito por seu antigo produtor busca contar a história da ascensão ao estrelato da diva do pop, que morreu há nove meses.

O produtor Narada Michael Walden, vencedor do Emmy e do Grammy, que esteve por trás de muitos dos primeiros sucessos de Whitney, como "How Will I Know" e "I Wanna Dance With Somebody", apareceu no Museu do Grammy em Los Angeles na quarta-feira para falar sobre o livro e apresentar algumas das músicas que tiveram sua colaboração.

"A morte dela foi tão chocante e repentina que eu quis criar algo para manter vivos os lindos aspectos de sua vida. A imprensa estava batendo no vício e ignorando seu gênio musical", disse Walden à Reuters.

Desde que se afogou em uma banheira em 11 de fevereiro depois de consumir cocaína, a música e a vida de Whitney geraram um tributo na TV com Jennifer Hudson, Usher e outros, um CD com os maiores sucessos, um livro de fotos e um reality show televisivo com membros de sua família.

O livro de Walden, "Whitney Houston: The Voice, the Music, the Inspiration" (Whitney Houston: A Voz, a Música, a Inspiração), escrito com Richard Buskin, descreve como Walden encontrou a cantora quando ela tinha 13 anos de idade e foi ao estúdio acompanhada da mãe. Walden trabalhava em um disco com a mãe dela, a cantora de soul e gospel Cissy Houston.

Walden disse que se esqueceu da bonita jovem até receber uma ligação da gravadora Arista em 1984, enquanto trabalhava no disco de Aretha Franklin, e recebeu ordens para "arranjar tempo" para trabalhar no álbum de estreia de Whitney.

Ele contou que o agente de Janet Jackson recusou a chance de gravar "How Will I Know" e que reescreveu a canção para que ela ficasse mais fácil de lembrar para Whitney, que com seu alcance vocal de cinco-oitavas gravou a canção em 1985 em uma única tomada.

Walden, que também produziu discos de Ray Charles, Stevie Wonder e Barbra Streisand, colaborou com Whitney em "So Emotional", "One Moment in Time" e "I'm Every Woman", do filme "O Guarda-Costas".

(Reportagem de Susan Zeidler)