Lindsay Lohan se diz inocente por acidente de trânsito

terça-feira, 15 de janeiro de 2013 17:17 BRST
 

LOS ANGELES, 15 Jan (Reuters) - Lindsay Lohan se declarou na terça-feira inocente por três acusações relativas a um acidente de trânsito ocorrido em junho, que havia levado no mês passado a Justiça a suspender a liberdade condicional da conturbada atriz.

Lohan, de 26 anos, que não compareceu à audiência, foi indiciada por contravenções de imprudência ao volante, mentir para a polícia e obstruir o trabalho policial ao declarar que não estava ao volante do seu carro esportivo, que colidiu com um caminhão em Santa Monica, na Califórnia.

A declaração de inocência foi apresentada a um tribunal de Los Angeles pelo advogado dela.

A atriz de "Liz & Dick" está sob liberdade condicional por causa de um furto de joias em 2011, e pode ir para a cadeia se tiver violado os termos impostos pelo tribunal.

Uma nova audiência relacionada ao acidente de trânsito foi marcada para o dia 30, com a presença de Lohan. A audiência sobre a liberdade condicional será marcada nessa ocasião.