Mais de três anos após agressão, Rihanna reata com Chris Brown

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013 21:00 BRST
 

NOVA YORK, 30 Jan (Reuters) - Agora é oficial: a cantora Rihanna disse ter reatado com Chris Brown, que está sob liberdade condicional por tê-la agredido em 2009. "Agora é diferente", declarou a diva do R&B.

"Decidi que era mais importante para mim ser feliz", disse Rihanna em entrevista publicada nesta quarta-feira no site da revista Rolling Stone.

"Eu não ia deixar que a opinião de ninguém atrapalhasse isso. Mesmo que seja um erro, é um erro meu", disse ela sobre a retomada do relacionamento com Brown, um rapper de 23 anos, fato que deixou fãs e jornalistas consternados.

"Após ser atormentada por tantos anos, ficar irritada e sombria, prefiro viver minha verdade e assumir as consequências. Posso lidar com isso", disse a cantora, de 24 anos.

A reconciliação do casal já era alvo de especulações há meses, mesmo antes do lançamento do dueto "Nobody's Business", em novembro. A faixa, cujo título significa "não é da conta de ninguém", foi incluído no último álbum de Rihanna, "Unapologetic".

Em 2009, Brown foi condenado a prestar serviço comunitário e passar por terapia depois de admitir ter batido na namorada. Ele também recebeu uma ordem para não se aproximar dela, e continua sob liberdade condicional.

Em agosto, a artista barbadiana disse à entrevistadora Oprah Winfrey que mantinha uma "amizade muito íntima" com Brown e que ainda o amava.

(Reportagem de Chris Michaud)

 
A cantora Rihanna aparece com Chris Brown em jogo da NBA em Los Angeles no dia 25 de dezembro. Ela disse ter reatado namoro com Brown. REUTERS/Danny Moloshok