Stone Temple Pilots demite o vocalista Scott Weiland

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 20:30 BRT
 

LOS ANGELES, 27 Fev (Reuters) - A banda de rock Stone Temple Pilots anunciou na quarta-feira a demissão do seu vocalista Scott Weiland - decisão que aparentemente surpreendeu o músico, um dos fundadores da banda e a voz por trás de seus grandes sucessos na década de 1990.

"O Stone Temple Pilots anunciou que se desligou oficialmente de Scott Weiland", disse nota divulgada pela banda, que consiste agora do baixista Robert DeLeo, o guitarrista Dean DeLeo e o baterista Eric Kretz.

A banda não explicou as razões que levaram à demissão de Weiland.

"Soube do meu suposto ‘desligamento' do Stone Temple Pilots hoje de manhã, lendo a respeito na imprensa", disse Weiland em nota.

"Não sei ao certo como posso ser ‘desligado' de uma banda que fundei, liderei e fui coautor de muitos dos seus maiores sucessos, mas isso é algo para os meus advogados descobrirem", acrescentou.

Weiland, 45 anos, que fez dos seus urros e do seu cabelo vermelho um símbolo da era grunge no começo dos anos 1990, ajudou o Stone Temple Pilots a emplacar hits como "Plush" (1993) e "Interstate Love Song" (94).

A banda se separou em 2003, e voltou em 2008.

Weiland, que admitiu no passado ter problemas com drogas, inicia na sexta-feira uma turnê solo de um mês pelos EUA.

(Reportagem de Eric Kelsey)