Justin Bieber critica imprensa por "incontáveis mentiras"

sexta-feira, 15 de março de 2013 09:34 BRT
 

LOS ANGELES, 15 Mar (Reuters) - O astro pop Justin Bieber acusou a imprensa, na quinta-feira, de publicar "incontáveis mentiras" a seu respeito, após uma semana em que ele cancelou um show, desmaiou no palco e brigou com um fotógrafo.

Em um longo post no seu perfil do Instagram, o cantor de 19 anos disse que não está em reabilitação, ao contrário do que se especulou na imprensa, e que não considera que tenha feito algo para merecer a cobertura negativa que sua turnê europeia recebeu.

"Todo mundo na minha equipe fica me dizendo para ‘manter a imprensa feliz', mas estou cansado de todas as incontáveis mentiras na imprensa atualmente. Dizendo que estou em reabilitação e como a minha família está desapontada comigo", escreveu Bieber.

"Sou uma boa pessoa, com um bom coração. E não acho que eu mereça toda essa cobertura negativa. Ralei para chegar aonde estou, e meu trabalho duro não para por aqui... Tudo isso não é fácil. Às vezes fico bravo. Sou humano. Vou cometer erros. Vou crescer e melhorar com eles."

O artista canadense teve uma carreira meteórica desde que foi descoberto por um vídeo no YouTube, em 2008.

Na semana passada, um show dele em Londres começou com duas horas de atraso. Em outra noite, ele ficou sem fôlego e desmaiou no palco, e depois foi flagrado xingando um fotógrafo.

Ele também foi visto usando uma bizarra máscara de gás em Londres, e na segunda-feira cancelou um dos dois shows que faria nesta semana em Portugal, alegando "circunstâncias imprevistas" -- mas a imprensa portuguesa disse que o motivo foi a baixa procura por ingressos.

(Reportagem de Jill Serjeant)

 
Cantor canadense Justin Bieber é segurado por segurança durante briga com um fotógrafo do lado de fora do hotel, no centro de Londres, em imagem retirada de vídeo da Reuters TV. Bieber acusou a imprensa de publicar "incontáveis mentiras" a seu respeito, após uma semana em que ele cancelou um show, desmaiou no palco e brigou com um fotógrafo. 08/03/2013 REUTERS/Reuters TV