Intoxicação por monóxido de carbono mata participante de programa da MTV dos EUA

terça-feira, 2 de abril de 2013 20:57 BRT
 

2 Abr (Reuters) - A autopsia feita no corpo de Shain Gandee, participante do programa de TV "Buckwild", exibido pela MTV norte-americana, mostrou que ele morreu em decorrência de envenenamento por monóxido de carbono, segundo autoridades.

O policial Brian Humphreys disse à Reuters que as mortes de Gandee, de 21 anos, de seu tio David, de 48 anos, e do amigo Donald Robert Myers, de 27 anos, foram consideradas acidentais.

Gandee foi achado ao volante da sua caminhonete Ford Bronco, na localidade rural de Sisonville, na Virgínia Ocidental. Ele havia sido visto horas antes em um bar da cidade.

O veículo estava parcialmente afundado em uma poça de lama, com o cano de escapamento submerso, segundo nota divulgada pelo departamento do xerife local.

Um representante da MTV informou à Reuters que o canal suspendeu a produção do reality show "Buckwild", que mostrava o cotidiano desregrado de jovens da Virgínia Ocidental.

Dirigir a caminhonete em terrenos acidentados e lamacentos era um passatempo habitual de Gandee, como o programa mostrou em várias ocasiões.

(Reportagem de Piya Sinha-Roy, em Los Angeles)