"A Bruxa está Morta" surge nas paradas britânicas após morte de Thatcher

quarta-feira, 10 de abril de 2013 20:11 BRT
 

LONDRES, 10 Abr (Reuters) - A canção "Ding Dong! The Witch Is Dead" ("a bruxa está morta"), parte da trilha do filme "O Mágico de Oz" (1939), aparece na quarta-feira nas paradas musicais britânicas, dois dias depois da morte da ex-primeira-ministra Margaret Thatcher.

A velha canção foi a mais baixada no site britânico da Amazon por causa de uma campanha lançada nas redes sociais por detratores da política conservadora, que sugeriram essa música para comemorar a morte dela.

Uma porta-voz da Companhia Oficial de Paradas Musicais da Grã-Bretanha disse que a canção, interpretada no filme pelos personagens Munchkins e Dorothy (Judy Garland) após a morte da opressiva Bruxa Má do Oeste, chegaria na quarta-feira ao décimo lugar.

Ela disse que a canção havia tido 10,6 mil cópias vendidas até a noite de terça-feira, o que a deixa a cerca de 5.000 cópias de um lugar no "top 3". Outra versão da música, interpretada por Ella Fitzgerald, estava em quinto na lista da Amazon.

Clientes deixaram comentários no site pedindo a outras pessoas que adquiram a canção para mostrar sua rejeição a Thatcher, cujas políticas de livre mercado são vistas por muitos britânicos como responsáveis pela ruína de setores econômicos tradicionais e pelo fechamento de postos de trabalho.

"Para essas bruxas genuínas, que propositalmente destroem as vidas dos outros por razões puramente ideológicas, sem um só pedido de desculpas ou uma só lágrima, esta é a faixa perfeita para o dia do funeral", escreveu Gareth Mark Gee, de Nottingham.

Um grupo do Facebook que pede downloads da música para levá-la ao número 1 tinha na quarta-feira mais de 5.000 membros. A "Dama de Ferro", que governou a Grã-Bretanha entre 1979 e 90, morreu aos 87 anos, vítima de um derrame, no hotel Ritz, em Londres.

(Reportagem de Belinda Goldsmith)