Reese Witherspoon não contesta acusação, vídeo de prisão cai na Internet

sexta-feira, 3 de maio de 2013 17:34 BRT
 

3 Mai (Reuters) - A ganhadora do Oscar Reese Withersopoon não contestou a acusação de perturbar a ordem pública e pagou uma fiança de 100 dólares ao ser presa com o marido em Atlanta no mês passado.

A vice-procuradora da Corte Municipal de Atlanta, Ronda Graham, afirmou em depoimento na quinta que "o processo criminal pendente contra a senhora Reese Witherspoon e o senhor Jim Toth foram resolvidos".

Jim Toth, de 42 anos, se declarou culpado pela acusação de dirigir embriagado e pagou uma fiança de 600 dólares. Ele também tem de prestar 40 horas de serviços comunitários.

No vídeo que mostra o momento da prisão do casal, divulgado pelo site TMZ, Witherspoon aparece afrontando o policial que acabou a prendendo por desacato.

"Você sabe quem eu sou? Você está prestes a descobrir quem eu sou", diz a atriz. O vídeo obteve mais de 120 mil visualizações no YouTube até sexta à tarde, e foi reproduzido em outras mídias sociais.

A atriz, que recebeu o Oscar de melhor atriz pela representação da cantora June Carter Cash em "Johnny & June", se desculpou por suas ações em uma entrevista no programa televisivo "Good Morning America" na última quinta-feira.

Ela afirmou ter ficado em pânico ao ver o marido sendo preso e se descontrolou por ter tomado algumas taças de vinho em um restaurante em Atlanta, onde está filmando um novo longa.

"Eu não tinha idéia sobre o que estava falando. Eu estou muito arrependida. Eu fui muito desrespeitosa a ele".

Eles foram abordados após Jim Toth ter ultrapassado uma faixa-dupla na estrada e depois não passou no teste de embriaguez.

(Reportagem de Patricia Reaney e Colleen Jenkins)